IESOL realiza formação no Bairro Santa Mônica  

A Incubadora de Empreendimentos Solidários da Universidade Estadual de Ponta Grossa (IESol UEPG) finalizou na última semana uma série de formações sobre aspectos da Economia Solidária no Bairro Santa Mônica. As atividades realizadas na Associação de Moradores do bairro foram divididas em temas como trabalho coletivo, autogestão, preço justo e redes solidárias, além da troca de experiências com a Associação de Feirantes da Economia Solidária (AFESOL). A formação iniciou no mês de junho e contabilizou seis encontros. 

A ideia das formações surgiu para que a comunidade do bairro pudesse realizar uma Feira Solidária na Rua Cultural, evento promovido pelo Centro Educacional Marista Santa Mônica em parceria com a Fundação Municipal de Cultural, Casa da Cultura Santa Mônica e Associação de Moradores do Jd. Santa Mônica.  

A assistente social e técnica da IESol, Mariana Todorovski, relata a experiência da formação e o interesse dos moradores nos temas apresentados. “Eu achei positiva a formação, tanto do conteúdo, na forma com que absorveram e como nós absorvemos as demandas em relação ao grupo e a feira. Se organizaram e entenderam bem o conceito da Economia Solidária”, explica Mariana. Ela também conta a expectativa dos moradores para a feira. “Eles estão ansiosos porque é a primeira vez de algumas pessoas expondo seus produtos e também pelos resultados”, relata. 

O Analista de Pastoral do Marista Santa Mônica, Olav Chicoski, comenta o papel da escola em integrar atividades com a comunidade. “Faz parte da perspectiva de atuação das Escolas Sociais Maristas essa interação com território. O trabalho educativo e pedagógico que desenvolvemos focado nos educandos tem como finalidade gerar um impacto social na comunidade que está ao nosso redor”. Olavo também fala da participação dos moradores na Rua Cultural. “A gente traz um evento que evidencia o que os educandos produzem de conhecimento e como isso tem significado social, mas também é uma forma de abrir as portas e perceber que a escola está aberta as culturas do território”, completa.   

A Rua Cultural é um evento que expõem trabalhos dos educandos maristas além de oferecer atividades para a comunidade como a Feira de Economia Solidária, I Festival de Música Caipira, Oficinas Socioculturais e oferta de serviços públicos. O evento deste ano chega a 10ª edição e acontece no dia 28 de setembro, na Praça do Bairro Santa Mônica. As atividades ocorrem das 15h30 às 20h.