UVPR promove Vestibular Unificado EAD com 1230 vagas em Universidades Estaduais

Compartilhe

A Universidade Virtual do Paraná (UVPR), em parceria com as Universidades Estaduais de Ponta Grossa (UEPG), do Centro-Oeste (Unicentro) e do Norte do Paraná (Uenp), recebe, de 1 a 15 de outubro, inscrições para o Vestibular Unificado EaD 2020, processo de seleção para cursos superiores de graduação na modalidade a distância.

Com planejamento e execução pela UEPG, o Vestibular da UVPR oferta 1.230 vagas, sendo 720 para a Unicentro (Administração Pública;  Letras Português e Pedagogia), 360 vagas para a UEPG (Administração Pública; Tecnologia em Gestão Pública) e outras 150 para a Uenp (Tecnologia em Gestão Pública).

Aldo Bona, Superintendente de Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, afirma que é muito importante este momento do Vestibular Unificado da Universidade Virtual do Paraná. “Mesmo durante a pandemia, as nossas universidades estão dando respostas para a comunidade, abrindo novos cursos, criando maneiras de fazer um processo seletivo de tal forma que possamos chegar até as pessoas que estão em quarentena. Assim, o Ensino Superior do Paraná consegue dar respostas cada vez mais ligadas ao interesse da comunidade. A Seti acredita no ensino superior como um todo e no ensino superior na sua modalidade a distância”, comemora Bona.

Inscrição

As inscrições para o Vestibular Unificado EAD 2020 devem ser realizadas exclusivamente pela internet, a partir das 00h00min do dia 01 de outubro até às 23h59min do dia 15 de outubro. A taxa de inscrição é de R$ 80,00. O processo é realizado conforme instruções do sistema especialmente desenvolvido pela CPS da UEPG para uso on-line, por meio deste link.

Aulas

O candidato aprovado, selecionado por ordem de classificação, e matriculado na vaga do curso e polo de sua opção, terá que participar de encontros presenciais na unidade escolhida.  Os cursos terão suas cargas horárias desenvolvidas com até 70% a distância e até 30% presencial, conforme prevê o projeto pedagógico de cada curso, aprovado pelos conselhos superiores das Universidades parceiras e pelo Ministério da Educação  e Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível do Superior (Capes).

 

 


Compartilhe