APRESENTAÇÃO / EDITORIAL

 

O Departamento de Direito da UNIVERSIDADE ESTADUAL DE PONTA GROSSA tem a satisfação de oferecer ao mundo jurídico o resultado das atividades científicas desenvolvidas, durante um lustro, pelo Corpo Docente e Colaboradores.

A política agressiva de qualificação do Corpo Docente, mantendo professores freqüentando Cursos de Mestrado e de Doutorado resultou na necessidade da criação de um canal para manifestação do pensamento e da produção científica das pesquisas em Cursos de Pós-Graduação.

A REVISTA JURÍDICA DA UEPG foi criada em maio de 1997, pelo Departamento de Direito da Universidade Estadual de Ponta Grossa. O Conselho Editorial não mediu esforços para a concretização do primeiro número, retomando um velho anseio, encontrou respaldo em toda a comunidade acadêmica e cumpre seu objetivo de permitir o democrático acesso à divulgação científica e cultural, com o primeiro número, cujo lançamento ocorre no inverno de 1997, por ocasiã da celebração da criação dos cursos jurídicos no Brasil.

Este novel veículo de divulgação do pensamento dos professores de direito de nossa Instituição de Ensino e Colaboradores, nasce como instrumento de incentivo a que outros docentes integrem a mentalidade de pesquisadores acadêmicos, estimulando e incentivando o enfrentamento de temas controvertidos e das novas tendências do direito contemporâneo.

Foram muitas as colaborações que recebemos já para a primeira edição, algumas delas reservadas para a segunda e também para a terceira. Importante sinal de vitalidade, que esperamos mantenha-se por muito tempo.

Nestes tempos de intensa movimentação rumo a economias globalizadas, frente às quais o Brasil não tem se omitido, participando, a partir do Mercosul, de diálogos com outros blocos regionais do mundo, se faz mister refletir acerca das propostas de uniformização e integração, razão pela qual a política editorial, desde o primeiro número, insere os temas na publicação.

O Conselho Consultivo é integrado exclusivamente por professores doutores, dentre eles os Coordenadores dos Cursos de Pós-Graduação em Direito do Estado do Paraná (UEM, UEL e UFPr); da Universidade Federal de Santa Catarina, da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo e da Universidade de São Paulo, a quem agradecemos, sensibilizados, por irmanarem-se de imediato na realização do desiderato proposto.

 

Por fim, gostaríamos de oferecer todos os créditos àqueles que contribuíram para concretizar mais uma etapa deste trabalho, em especial ao Prof. Wilson Jerônymo Comel, que, também, não poupou esforços; e esperamos, sempre, contar com a participação de todos - docentes e discentes -, com o escopo de que a REVISTA JURÍDICA DA UEPG seja o exemplo vivo de nossa capacidade de reflexão sobre questões de interesse comum.

O nosso mote é: Não espere até que possa fazer algo perfeitamente. Faça-o agora com qualquer habilidade que você tenha. Ao fazê-lo, em gradiente, trabalhará até a perfeição. Se você espra até ser perfeito para fazer algo, não fará nada.

Portanto, é imprescindível que você leia, critique e remeta sugestões para que possamos melhorar o nosso desempenho, aspirando a perfeição, ciente da dificuldade de alcançá-la.

 

Leopoldo Lopes Sobrinho J. S. Fagundes Cunha

Chefe de Departamento Editor