Kalinoski, José

 

Nasceu no dia 1º de maio de 1900, na Colônia Guaraúna (Ponta Grossa), filho de Ludovico e Ana Kalinoski. Em 1920 casou-se com Brunislava Kubaski, com a qual teve nove filhos e que veio a falecer em 1939. Nesta época José Kalinoski residia na localidade de Porteira Grande, à beira do Rio Tibagi, onde trabalhava de balseiro e prestava serviços para o DNER. Neste tempo não havia a rodovia que ligava Ponta Grossa a Imbituva e para ir de uma cidade para outra tinha-se de atravessar, num certo trecho, o Rio Tibagi, o que era feito pela balsa do seu Kalinoski. Esta, devido ao prestígio de seu timoneiro, virou ponto turístico de famílias da região, que procuravam a residência Kalinoski nos finais-de-semana à procura de uma boa pescaria. Assim "seu José" ficou bastante conhecido e estimado pela população dos Campos Gerais em geral. Faleceu no dia 30 de abril de 1955 enquanto pescava em uma lagoa nos fundos de sua residência a fim de esperar seus filhos para comemorar consigo a passagem de seu 56º aniversário no dia seguinte. Por ironia do destino, morreu afogado, justo ele que havia passado a maior parte de sua vida dentro das águas de um rio. (Rosemeri Leane Knebel)

Palavras-chave: Ponta Grossa; nome de rua.

Referências Bibliográficas:
Nominação de ruas e avenidas: biografia dos homenageados. Ponta Grossa: Secretaria de Administração e Negócios Jurídicos, 1990.