Barão do Serro Azul

 

Ildefonso Pereira Correia nasceu no dia 06 de agosto de 1849 em Paranaguá, filho do tenente-coronel Manoel Francisco Correia Júnior e de Francisca Antônia Pereira Correia. Estudou Humanidades no Rio de Janeiro e em São Paulo. Foi um grande comerciante de erva- mate, fazendo negócios com Montevidéu e Buenos Aires. No Paraná possuía um engenho de erva-mate em Antonina. Com a construção da Estrada da Graciosa, transferiu suas atividades para Curitiba, tornando-se o maior exportador de erva-mate do Paraná. Em 1881 recebeu a comenda da Ordem da Rosa e, a 08 de agosto de 1888, o título de Barão do Serro Azul. Faleceu no dia 20 de maio de 1894, fuzilado no Km 65 da Estrada de Ferro Paranaguá Curitiba pelos legalistas, acusado de colaboracionismo com os federalistas. ( Rosemeri Leane Knebel )

Referências Bibliográficas: KHATIB, Faissal El. História do Paraná. Curitiba: Grafipar, 1969. Acervo Casa da Memória Paraná.